quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Escolhas!!

Pegadas de Pedra (Por Iain Blake)

Vou contar-vos uma história, no domingo ao final do dia quando caminhava na praia em companhia de alguns amigos, quis escolher uma pedra para guardar.

Estava a olhar para o chão e vi uma branca mas era grande e cheia de bicos, apanhei-a mas não estava satisfeita com a minha escolha. Mais à frente encontrei outra um pouco mais pequenina mas não gostei da cor dela, era muito escura mas conservei as duas pedras. Mais à frente encontrei uma pequenina, clarinha com tons de rosa, e dei comigo com três pedras na mão sem saber qual escolher. 
Falei para a minha amiga que estava na mesma situação com duas pedras, "o meu eterno dilema, fazer escolhas!", outro amigo ao passar por nós comentou "Isso é o dilema de todos nós". 
Depois reflecti a olhar para aquelas três pedras e cheguei à conclusão que a minha escolha estava feita. Eu só peguei na última porque as duas primeiras não me convinham. 
E na vida é a mesma coisa, as nossas escolhas estão feitas, se tiveres que escolher entre duas situações, escolhe a última, porque ela só existe porque a primeira não te convém.

Esta é a minha opinião, é claro!
Mas muitas vezes ficamos presos a escolhas que temos que fazer e não avançamos.

Grata pela Leitura :)

domingo, 2 de agosto de 2015

"O acaso só favorece a mente preparada" Louis Pasteur























Imagem web - http://www.boredpal.com/

A maioria das pessoas andam distraídas e nem se apercebem  de toda a sincronicidade que existe à volta delas, não se apercebem que o tem uma aparência negativa, pode na verdade ser uma oportunidade para mudar de direcção na vida e assim escolher um melhor caminho.


Esta semana apercebi-me que a maioria das pessoas que me rodeiam não estão felizes com a vida que têm, mas acham que é impossível ter uma vida melhor.
Então estão tristes e insatisfeitos na sua zona de conforto e não saem de lá porque não acreditam que seja possível ter outro tipo de vida, para eles sonhar é impossível. Têm medo.

Nós atraímos aquilo que pensamos, se eu pensar que não mereço ou não consigo algo, o universo vai confirmar-me isso pois é o que eu acredito.
O que eu tenho hoje são os pensamentos de ontem, os meus pensamentos de hoje definem o meu amanhã.

Recordo-me e tenho a certeza que o meu exemplo vai fazer-lhes recordar também situações passadas em que isto vos aconteceu. 
A cada vez que eu decidi atingir um objectivo de ordem pessoal ou profissional eu consegui. 
Isso não quer dizer que eu seja multi milionária e tenha todos os luxos existentes. Quer apenas dizer que a partir do momento em que decidimos que queremos algo diferente na nossa vida temos de aceitar compromissos e que se calhar temos que primeiro passar por algo menos agradável até atingirmos o que realmente queremos. Mas o mais importante é manter o foco no objectivo e acreditar.

Temos que saber o que queremos, ser honestos connosco e visualizar-mos exactamente aquilo que queremos, não ter duvidas e ser o mais específico possível. A certeza daquilo que queremos faz com que a resposta do universo seja mais rápida. Escreva num caderno os seus objectivos, e mantenha o caderno em dia cada vez que obtenha um deles.

A sincronicidade é importante neste processo porque é a resposta do universo ao vosso pedido, é agarrar a oportunidade.
Talvez não faça sentido para vocês, mas vai fazer. 
O simples facto de fazer algo diferente como mudar de caminho ao ir para casa, mudar de padaria, aceitar um convite para beber café que não faria habitualmente, resumindo mudar os hábitos. 
É a atitude a ter quando se quer mudar de vida pois estas pequenas mudanças podem trazer-lhe as informações que necessita para mudar, como um posto de trabalho disponível na área que você quer, ou uma casa que está à venda ou a alugar como aquela que você procura, o importante é estar atento à informação que recebe e deixar fluir a vida, o resto vem!

Decidir, visualizar e acreditar!!
Esteja atento à sincrocinidade e aceite a mudança!

O que me leva a acreditar nesta teoria é a minha experiência de vida, mas o filme "The Secret" explica-a muito bem. 





Mas não se esqueça a chave é a Gratidão!!!

Grata pela leitura!! :D